O Buldogue Inglês tem uma fidelidade de impressionar

Conheça as curiosidades desse pet!

O Buldogue Inglês

Buldogue inglês – Ele tem a expressão de rabugento e mal-humorado, mas, na verdade, é amoroso e gentil. Conheça o Buldogue ou Bulldog através deste texto!

O Bulldog é um cachorro de porte médio, robusto e que parece sempre estar acima do peso.

Ele tem a face incrivelmente intrigante, com olhos e bochechas grandes e que podem derreter até os corações mais duros.

Veja esse vídeo do Buldogue Inglês:

Algumas pessoas podem até temê-lo, no entanto, bulldogs são extremamente dóceis e convivem em harmonia com humanos e outros pets.

Neste texto vamos falar tudo sobre ele, e, porque está se tornando um dos cães mais desejados para famílias com filhos.

Aproveite e clique em inscrever-se em nosso canal no YouTube, acesse aqui.

Então, aproveite a leitura nos seguintes subtítulos:

  1. A história da raça de cachorro Buldogue inglês
  2. Como é o temperamento do Buldogue inglês
  3. Características físicas do Buldogue inglês
  4. A rotina do Bulldog inglês com outros
  5. Dieta e outros cuidados com o cão Buldogue inglês
  6. O Buldogue inglês precisa de manipulação e incentivo para se exercitar
  7. Problemas de saúde comuns a raça Bulldog

A história da raça de cachorro Buldogue inglês

De fato, bulldogs ingleses são caninos não esportivos.

De acordo com o Bulldog Club of America, a história do bulldog é, bem, digamos, digna de pena.

Isso porque eles foram originalmente criados para provocar touros, uma prática horrível na Europa medieval.

Basicamente, cães eram forçados a provocar e morder os touros. Por fim, alguém inteligente disse: “Vamos proibir isso!”.

Então, em 1835, um grupo de amantes de cães de bom coração se reuniu para salvar os buldogues de sucumbir aos comportamentos cruéis que os humanos os incentivaram.

Depois disso, os buldogues foram criados para serem filhotes mais amáveis, gentis e geralmente mais brincalhões.

Mas fisicamente eles ainda se parecem com seus ancestrais rudes e, ocasionalmente, alguns de seus antigos comportamentos desagradáveis ​​aparecem.

Como é o temperamento do Buldogue inglês

De modo geral, alguns desses, digamos, comportamentos impositivos do buldogue ​​incluem teimosia e agressão.

Eles podem ser bem territoriais com sua comida, por exemplo. Portanto, seria bom treinar isso logo no início.

Em sua maioria, os bulldogs são conhecidos por sua lealdade, simpatia e tranquilidade.

Eles podem passar o dia cochilando em uma espreguiçadeira. Mas não se preocupe, eles também adoram brincar.

Cabo de guerra é para os buldogues o que o tênis é para Serena Williams.

Além disso, eles também mastigam como se fosse seu trabalho.

Então mova todos os sapatos que você não quer que sejam aniquilados fora do alcance.

Características físicas do Buldogue inglês

Buldogues adultos atingem, por exemplo, 35 a 40 centímetros de altura e podem pesar até 18 a 22 quilos.

As fêmeas, no entanto, são geralmente menores do que os machos.

Devido à sua história de criação especializada, os buldogues são musculosos e densos.

Eles também são uma raça displásica, o que significa que seus quadris são mais rasos do que os da maioria dos cães.

Por causa disso, o fêmur de um bulldog apenas se ajusta frouxamente em seu encaixe de quadril.

Causando sua marcha gingada idiossincrática e potenciais problemas ósseos e articulares.

Entretanto, uma peculiaridade é notável neste cão. Trata-se do seu pelo.

Os buldogues ingleses têm pelos curtos e brilhantes que vêm em uma variedade de cores.

No entanto, eles têm orelhas pequenas e caídas, sobrancelhas franzidas e pele solta pendurada em toda a papada. Depois, há aquele focinho exclusivo.

Infelizmente, o Buldogue inglês normalmente vive apenas de oito a dez anos.

A rotina do Bulldog inglês com outros

Em síntese, eles são companheiros maravilhosos e ótimos com crianças.

Sua constituição robusta e comportamento calmo os tornam ideais como pets para crianças e suas carícias rudes.

Além disso, eles são leais e gostam de companhia.

No entanto, certifique-se de que eles são treinados para não morder pessoas desde o início.

Se uma criança os assusta, eles podem morder.

Quando se trata de outros animais de estimação, os buldogues estão mais frequentemente a bordo e prontos para se misturar.

Eles tendem a ser mais agressivos quando se trata de companheiros de brincadeira de cachorro do mesmo sexo.

Então dois machos de Bulldog em uma mesma casa podem causar problemas.

Dieta e outros cuidados com o cão Buldogue inglês

Como a maioria dos cães, os buldogues correm o risco de ficar acima do peso.

Portanto, alimentá-los o suficiente para manter sua constituição robusta sem exagerar é fundamental.

Também vale a pena mencionar que eles babam excessivamente, especialmente após as refeições.

Então, fique atento a isso.

Além disso, escová-los pelo menos uma vez por semana (de preferência três vezes) é recomendado.

Entretanto, atenção a um detalhe:

A pele do rosto se acumula em dobras, que podem causar problemas quando a sujeira ou a umidade ficam presas nas rugas.

Portanto, certifique-se de observar se há coceira e vermelhidão na pele e limpe entre essas dobras com frequência.

O Buldogue inglês precisa de manipulação e incentivo para se exercitar

De fato, a raça Bulldog pode ganhar peso com muita facilidade e chegar ao sobrepeso, caso seu tutor não tenha cuidado com sua dieta.

Sendo assim, exercícios regulares são necessários. Uma caminhada rápida ou um cabo de guerra turbulento é ótimo.

Fique atento ao calor, água e escadas.

Altas temperaturas não combinam bem com seus focinhos curtos, então o superaquecimento é um perigo.

Embora possam nadar, a água profunda entra facilmente em seus narizes, aumentando a probabilidade de afogamento.

Finalmente, descer escadas é complicado para seus corpos pesados. Não os deixe cair!

Além disso, eles não latem muito, mas eles bufam, espirram, roncam e babam muito.

Problemas de saúde comuns a raça Bulldog

Os buldogues definitivamente sofrem de alguns possíveis problemas de saúde.

Por exemplo, os buldogues não lidam com anestesia tão bem quanto a maioria das outras raças.

Então trabalhar com um veterinário bem versado em anatomia de buldogues é o melhor.

Os maiores problemas de saúde que os buldogues enfrentam estão relacionados à respiração e à mobilidade.

Devido a um distúrbio incômodo chamado síndrome braquicefálica, causado por focinhos curtos, a respiração pode ser difícil.

E pode exigir cirurgia se o seu buldogue também sofrer de narinas estreitas, palato mole alongado ou traqueia estreita.

Bulldogs também apresentam mais displasia do quadril do que qualquer outra raça.

Contudo, cerca de 72% dos buldogues apresentam problemas nas articulações ou nos ossos devido a problemas nos quadris durante a vida.

Alguns buldogues desenvolvem doenças oculares como cílios extras, pálpebras invertidas ou córneas irritadas.

Enfim, vimos aqui que o Bulldog é um cão que precisa de treinamento desde a infância. Além disso, precisa de atenção com sua dieta e saúde.

No entanto, ele se adapta muito bem a famílias com crianças.

Visite nossa Lojinha, lá temos os melhores produtos para o seu Pet. Afinal, eles são muito especiais e sempre merecem um presentinho!

Saiba mais sobre outros cachorros, veja aqui.

Aproveite e nos acompanhe nas redes sociais para saber mais sobre essas fofurinhas: Facebook, Instagram e YouTube.

Você gostou do texto? Tem mais dúvidas sobre o Buldogue inglês? Quer compartilhar? Então, fique à vontade, fale conosco e compartilhe sem receios.

Consulte também

Este site usa cookies Ok Mais detalhes

Termos & Política de Privacidade