As Curiosidades, cuidados, dieta e comportamento do Canário!

Conheça a beleza e encanto desse Pet!

O Canário

Canário – Chamado carinhosamente por canarinho, é também um pássaro canoro. Tem vontade de adotar esse cantor nato? Então o conheça neste texto!

Canários são pássaros bem populares e podem ser uma ótima companhia para pessoas que moram sozinhas ou mesmo famílias com muitas pessoas.

São pássaros de porte pequeno considerado canoro (exímio cantor) da família do tentilhão, ou Fringillidae.

Os pesquisadores dividem as várias espécies dessas aves entre dois gêneros taxonômicos, Serinus e Crithagra.

Talvez a espécie mais comum e amplamente conhecida seja o canário do Atlântico ou canário comum.

Em síntese, o canário do Atlântico é o descendente original da ave doméstica que as pessoas hoje mantêm como animais de estimação.

O que mais você gostaria de saber sobre o canarinho?

Aproveite e clique em inscrever-se em nosso canal no YouTube, acesse aqui.

Para saber mais sobre esse doce e belo passarinho, continue lendo o texto dividido nos seguintes subtítulos:

  1. Características físicas do Canário
  2. Fatos interessantes sobre o Canário
  3. Habitat dos Canários
  4. Como deve ser a dieta para Canários
  5. O Canário e interação humana
  6. O canário é um bom animal de estimação?
  7. Entenda o comportamento do Canário
  8. Como é a reprodução do Canário?

Características físicas do Canário

De forma generalizada, esses pássaros normalmente medem 10 centímetros de comprimento e pesam menos de 30 gramas.

A plumagem dos canários selvagens é amarelo-esverdeado com manchas mais escuras ao longo das asas e cauda.

Canários domésticos, no entanto, vêm em uma variedade de cores diferentes, incluindo vermelho, amarelo, branco, preto, marrom e muito mais.

As variedades domésticas também apresentam diferentes categorias de plumagem.

Incluindo várias cristas em suas cabeças e outras penas com babados em outros lugares.

Fatos interessantes sobre o Canário

De fato, canários são animais de estimação relativamente comuns, principalmente devido ao seu belo canto.

Entretanto, há várias histórias interessantes sobre esses pássaros. Por exemplo: você sabia que eles eram usados em minas de carvão?

Sim! E isto acontecia nos primeiros anos de mineração.

Antes dos testes modernos como temos agora, os gerentes responsáveis pelas minas de carvão usavam canários para avisar os mineiros quando gases perigosos escapavam.

Se os canários mostrassem, por exemplo, sinais de angústia ou doença, os mineiros sabiam que deveriam se retirar dessa mina.

Outro fato curioso é que algumas pessoas criam algumas espécies de canários especificamente para aprimorar seu canto.

Sabe-se que ao longo da história sobre canários, os criadores selecionaram os melhores cantores para procriar.

Criando, portanto, um “produto” final de um pássaro com uma voz incrivelmente bela.

Habitat dos Canários

O canário é um animal da ordem dos Passeriformes, na qual existem mais de 5500 espécies, portanto, são pássaros que vivem em variedades de habitats.

Alguns dos ecossistemas que habitam incluem florestas, bosques, litorais, dunas, pomares, bordas de matas e muito mais.

Diferentes populações vivem em todos os lugares, desde o nível do mar até cerca de milhares de quilômetros de altura.

Eles são adaptáveis ​​à interação humana e muitas vezes vivem em parques, jardins e quintais.

Sobre a distribuição dessas espécies podemos dizer que a espécie atlântica vive na região do Oceano Atlântico oriental.

Residem principalmente em locais como Ilhas Canárias, Madeira e Açores.

Os humanos também introduziram esta espécie nas ilhas havaianas no Atol de Midway.

As pessoas também introduziram esses canários em Porto Rico e Bermudas, mas as populações invasoras ainda não se estabeleceram.

Como deve ser a dieta para Canários

Canários são principalmente herbívoros, que comem plantas.

No entanto, ocasionalmente se alimentam de insetos e invertebrados como moscas, mosquitos, aranhas, besouros, gafanhotos e outros.

O principal componente da dieta do canário são as sementes, e eles comem muitas sementes de ervas daninhas, gramíneas, arbustos e árvores.

Além disso, se alimentam de frutas, principalmente figos.

Os canários domésticos comem dietas peletizadas disponíveis no mercado, bem como frutas e vegetais frescos.

O Canário e interação humana

Os humanos e os canários livres do Atlântico interagem com bastante frequência.

Esses pequenos pássaros voam por quintais e parques em busca de comida.

Embora os humanos afetem outras espécies de canários de maneiras diferentes, os canários do Atlântico têm populações saudáveis.

Entretanto, muitos canários dessa região acabaram sendo domesticados, ainda no século XVII.

Então iniciou-se uma criação seletiva dessas aves, e os marinheiros da Espanha é quem as toma e comercializa na Europa.

Até monges criaram e venderam canários!

Com o passar dos anos, surgiram muitas cores e formatos de penas diferentes no canário.

Hoje em dia, essas aves ainda são animais de estimação populares.

O canário é um bom animal de estimação?

Sim, os canários são bons animais de estimação!

Além disso, eles são uma boa escolha para pessoas sem tempo para dedicar muita atenção e carinho a outros animais de estimação.

No entanto, você precisa fornecer um ambiente limpo, alimentos frescos e bastante água o tempo todo.

Sob cuidado humano, esses pequenos pássaros podem viver por mais de dez anos.

No entanto, para que seu pássaro tenha uma vida plena e feliz, é importante que você cuide bem dele.

Você deve mantê-lo em uma gaiola grande com bastante espaço para exercícios.

Seu recinto também deve fornecer amplo espaço para mais de um pássaro, pois eles ficam mais felizes em pares.

Forneça ao seu canário uma variedade de frutas e vegetais frescos, bem como pellets produzidos comercialmente e água fresca.

Finalmente, você deve levar qualquer ave que apresentar sinais de doença a um veterinário imediatamente.

Aproveitando para relacionar as principais que acometem esses pássaros como a Salmonelose (fulminante), a constipação e a Colibacilose.

Entenda o comportamento do Canário

Basicamente canários, domésticos ou selvagens, são diurnos e ativos durante o dia.

Eles passam o tempo forrageando, geralmente em pequenos grupos.

Alguns buscam sementes caídas no solo, enquanto outros se alimentam diretamente em arbustos ou árvores.

Ao contrário de alguns outros pássaros canoros, os canários não deixam os bandos maiores com a aproximação da época de reprodução.

Em vez disso, esses pássaros fazem ninhos em colônias pequenas, mas cada casal tem seu próprio pequeno território ao redor de seu ninho.

Como é a reprodução do Canário?

Assim que um casal se estabelece na pequena colônia, eles constroem um ninho.

Os ninhos de canários são pequenos e em forma de xícara, e os pássaros os constroem a vários metros do solo em um arbusto ou árvore.

Ambos os membros do casal constroem o ninho, geralmente com uma variedade de galhos, gravetos, gramíneas e muito mais.

As fêmeas põem em média três ou quatro ovos por ninhada.

Demora cerca de duas semanas para os ovos eclodirem, e os filhotes ficam completamente indefesos e dependentes de seus pais.

Depois de duas ou três semanas sob os cuidados dos pais, os filhotes começam a aprender a voar e rapidamente alcançam a independência.

Vimos aqui que o canário é um cantor sensacional e pode se tornar, um pet incrível.

Visite nossa Lojinha, lá temos os melhores produtos para o seu Pet. Afinal, eles são muito especiais e sempre merecem um presentinho!

Saiba mais sobre outras aves, veja aqui.

Aproveite e nos acompanhe nas redes sociais para saber mais sobre essas fofurinhas: Facebook e Instagram.

Então se este texto lhe ajudou a descobrir isso e a aprender mais sobre o Canário, o que acha de compartilhar no seu Facebook.

Consulte também

Este site usa cookies Ok Mais detalhes

Termos & Política de Privacidade