American Shorthair é um gato de pelo curto muito adorável

Conheça as curiosidades desse pet!

O American Shorthair – Olhar de quem é esperto, pelo curto, uma vida quase sem problemas de saúde, enfim, essa é uma raça de gato que encanta pessoas no mundo todo.

Nas suas origens, essa raça era chamada de Domestic Shorthair, mas seu nome foi alterado pois de fato, era necessário representá-la com imponência por ser de pedigree.

Essa alteração também foi necessária para identificá-la entre as outras raças de pelo curto, sem pedigree.

Veja esse vídeo do Gato American Shorthair:

No entanto, estamos falando de um gato de aparência cativante, com pelo matizado com mais de 80 variações de cores e de personalidade doce e amigável.

Além disso, é um gato com estrutura incrível, é robusto, perspicaz e um bom caçador.

Aproveite e clique em inscrever-se em nosso canal no YouTube, acesse aqui.

Temos mais curiosidades e informações sobre o pelo curto americano e vamos compartilhar com você nos seguintes subtítulos. Confira em:

  1. Qual é a origem do gato American Shorthair
  2. Características físicas do gato American Shorthair
  3. Como cuidar e quais os principais cuidados com seu American Shorthair
  4. Como é o temperamento do gato pelo curto americano
  5. Como manter a dieta do American Shorthair em dia
  6. Principais doenças observadas na raça de gatos American Shorthair

Qual é a origem do gato American Shorthair

Assim como o nome sugere, esses gatinhos americanos tiveram origem nos Estados Unidos.

Alguns criadores, inclusive, acreditam que eles são descendentes de gatos que vieram da Inglaterra.

Essa raça de gato viajava com os imigrantes europeus para a América com o objetivo de manter a população de ratos e ratazanas nos navios sob controle.

Além disso, eles também eram usados em colheitas de cereais para manter as pragas longe.

Muito popular atualmente, essa raça passou a ser conhecida recentemente, em 1980. Porém, o primeiro gato dessa linhagem foi registrado pelo CFA Cat Fanciers ‘Association – em 1906.

Acredita-se que essa raça tenha surgido do cruzamento entre o gato doméstico, o gato persa e o British Shorthair.

Para manter as características do gato nativo, criadores fizeram essa mistura entre raças parecidas e então, começaram uma criação seletiva.

Uma curiosidade desta raça é que os gatos comuns, apesar de serem confundidos com o doméstico, não são capazes de passar sua genética por não terem o mesmo pedigree.

Características físicas do gato American Shorthair

Esses felinos são conhecidos por terem uma grande longevidade e uma excelente saúde. São gatos de porte médio à grande, pesando entre 4 e 7 quilos.

Também conhecido como “gato de pelo curto” obviamente devido a sua pelagem mais curta, possuem pelos brilhantes e de aspecto liso.

As cores de seus pelos variam muito, podendo ser brancos, pretos, azul e vermelhos. Mas você não encontrará as cores chocolate, lilás e colourpoint.

Diferentemente de várias outras raças de gatos, o American Shorthair atinge a puberdade cedo, por volta dos oito meses, mas só se torna adulto aos 3 / 4 anos de idade.

Eles são gatos fortes e sua estrutura corporal é assimétrica, são musculosos, ágeis e bem proporcionados.

Os olhos deste felino são na maioria das vezes amarelo, expressivos e marcantes.

Como cuidar e quais os principais cuidados com seu American Shorthair

Em síntese, se trata de uma raça de pouca manutenção, mas que exige cuidados como qualquer outro animal de estimação.

Esse felino geralmente precisa de uma escovação semanal, não se aconselha banhos frequentemente, a menos que seja necessário.

São gatinhos comilões, por isso, é importante estar atento e não exagerar nas refeições diárias, pois eles podem realmente ficar acima do peso.

Brincar com seu gatinho é importante não só para exercitá-lo, mas também para dar-lhe mais qualidade de vida.

Como é o temperamento do gato pelo curto americano

De fato, essa raça de gatos é uma ótima companhia especialmente indicada para pessoas solteiras ou que nunca tiveram gatos antes.

Ele tem uma mistura de temperamentos, apesar de ser calmo na maior parte do tempo, também pode ser agitado e agressivo às vezes.

São gatos de personalidade simples, pois mantiveram as características dos seus antepassados que viajaram da Europa para a América do Norte com os imigrantes.

Assim como seus antepassados, são ótimos caçadores de ratos, mas se trata de uma raça dócil, que lida bem com companhia e com a solidão.

Devido a sua longevidade são companheiros que você terá por muitos anos, já que eles podem viver cerca de 15 a 20 anos.

Eles são gentis, amigáveis e adoram crianças, também se adaptam facilmente ao ambiente e convivem bem com outros animais de estimação.

São gatos mais silenciosos e que miam pouco, eles apreciam brincadeiras e o convívio familiar, mas também gostam de passar o tempo sozinhos.

Apesar de serem caçadores, se dão bem em apartamento também.

Como manter a dieta do American Shorthair em dia

A alimentação desse felino deve ser nutritiva e balanceada, pois, devido a propensão que ele tem para ganhar peso, não se pode alimentá-lo com qualquer coisa.

Nunca compre rações baratas. A ração deve ser de alta qualidade e composta por proteínas e pouco carboidrato, pois isso evita a obesidade.

A marca escolhida para alimentar seu gatinho deve ter a carne como principal componente, seguido por vegetais e nunca deve constar açúcar na lista de ingredientes.

É importante que você brinque com o seu gato sempre que possível, para incentivá-lo a se exercitar e não viver de forma sedentária.

Principais doenças observadas na raça de gatos American Shorthair

Esses gatos possuem uma saúde de ferro, raramente adoecem e sua resistência é uma das principais características dessa raça.

A genética desse felino é muito boa, por isso, desde que sejam cuidados adequadamente, raramente apresentam problemas de saúde.

O conjunto de genes presente na raça American Shorthair faz com que tenham mais vitalidade. No entanto, a cardiomiopatia hipertrófica foi observada com maior frequência nessa raça.

Se trata de uma doença comum que tende a atingir os gatos mais velhos, apesar de não ter cura, é possível tratar para garantir uma maior qualidade de vida ao felino.

Os principais sintomas dessa doença são:

  • Falta de apetite;
  • Desmaios;
  • Relutância para se movimentar;
  • Batimentos do coração irregulares.

Além de dificuldades para respirar e inatividade motora.

Para chegar ao diagnóstico, é necessário relacionar os sintomas com um ecocardiograma.

Vimos aqui que o pelo curto americano é uma raça incrível, destacamos ainda que é uma das preferidas nos EUA.

Por fim, gostaríamos de saber se você também achou o gato American Shorthair o candidato ideal para ser seu companheiro!

Saiba mais sobre outros gatos, veja aqui.

Aproveite e nos acompanhe nas redes sociais para saber mais sobre essas fofurinhas: FacebookInstagram e YouTube.

E é claro, se este post lhe ajudou de alguma maneira, compartilhe no seu Facebook, afinal, um gato assim tão adorável precisa de muitos likes.

Consulte também

Este site usa cookies Ok Mais detalhes

Termos & Política de Privacidade